Autoconhecimento e Relacionamentos, Carreira e Qualidade de Vida

Tenha consciência do que você está abrindo mão

Você tem consciência do que está abrindo mão por ser um Empreendedor Cristão?

Quando somos cristãos, por causa da ação do Espírito Santo, nós abrimos mão de muitos desejos e vontades. Vamos abrindo mão de tudo o que for preciso para seguir no caminho de Deus.

Isso é muito chocante para os nossos dias onde existe um discurso de que precisamos atender as nossas necessidades e que “ser feliz” é o que importa.

É muito comum ouvirmos gente falando para corrermos atrás de tudo aquilo que queremos, mas existe um outro caminho:

Assim, pois, todo aquele que dentre vós não renuncia a tudo quanto tem não pode ser meu discípulo. Lucas 14.33

Você já pensou sobre isso?

É muito importante termos consciência dos nossos desejos, planos e ações para sabermos analisar se eles estão de acordo com aquilo que Deus deseja.

Ser Cristão, e consequentemente ser um Empreendedor Cristão, muitas vezes quer dizer renúncia. Muita renúncia.

Será que estamos atentos a isso em nosso dia a dia?

Quantas vezes passamos meses correndo atrás daquilo que tanto desejamos e, enquanto isso, nos afastamos do contato diário com Deus?

Quantas vezes nós estamos mergulhados nos estudos e no trabalho e começamos a ter a impressão de que o resultado é totalmente mérito nosso?

Quantas vezes nós depositamos nossa confiança em nosso planejamento e trabalho e esquecemos que podemos não estar mais aqui no instante seguinte?

Quantas vezes nos perdemos tanto na construção de nossos sonhos que esquecemos que isso tudo é passageiro e que o tempo de anunciar o Evangelho de Cristo também está passando?

Quantas vezes deixamos as coisas da eternidade de lado para atender as nossas necessidades temporais, muitas delas egoístas?

É claro que nós estamos sujeitos a nos perdermos em nossos próprios interesses. Enquanto estivermos neste mundo faremos escolhas erradas. Ainda bem que existe o perdão.

O importante é notar os sinais…

Você está abrindo mão de seus próprios interesses quando esses não estão de acordo com o exemplo de Jesus?

Quando não estivermos abrindo mão de nada, reflitamos se isso não pode ser um sinal de que a nossa fé está enfraquecendo. Peçamos a Deus que nos dê ânimo e força para seguir os passos de Jesus e renunciar o que for preciso.

E isso não tem nada a ver com não aproveitar a vida! Na verdade aproveitamos muito mais a vida quando damos importância para as coisas que são importantes e quando temos os olhos e o coração voltados para a eternidade.

Tenha consciência do que você está abrindo mão por ser Cristão. Tenha consciência do que você precisa abrir mão e conte com Deus para lhe guiar nessa caminhada.

Abrir mão de si mesmo de forma inconsciente não é saudável, mas abrir mão conscientemente é um ato de amor.

Jesus nos avisou que não seria fácil ser seu seguidor, lutaremos contra nós mesmos durante toda a vida, mas tudo isso vale a pena.

Boas obras e sacrifícios pessoais não irão nos salvar, mas eles são reflexos da fé que temos. Como anda a sua fé?

Quando estamos fazendo coisas por causa da nossa fé, por mais difícil que seja a situação, nós estamos fazendo com o coração alegre e agradecido.

É por gratidão. Jesus pagou um preço alto pela nossa salvação, somos livres para servi-lo.

Ser um Empreendedor Cristão é levar os preceitos da nossa fé para a vida profissional, isso é um desafio e tanto.

Não estaremos jogando com as mesmas regras do mundo.

Não estaremos pautando nossos negócios no que é importante para o mundo.

Não estaremos trabalhando para atender as nossas necessidades, mas a dos outros.

Que Deus nos ajude nessa difícil tarefa de renúncia pessoal.

Versículo da semana:

Respondeu-lhes Jesus: Em verdade vos digo que ninguém há que tenha deixado casa, ou mulher, ou irmãos, ou pais, ou filhos, por causa do reino de Deus, que não receba, no presente, muitas vezes mais e, no mundo por vir, a vida eterna.

Lucas 18. 29-30

Post Anterior Próximo Post

Você também poderá gostar

Sem comentários

Deixe seu comentário