Negócios e Empreendedorismo

Planejamento estratégico a partir da incerteza

Já parou para pensar que nós não sabemos como será o dia de amanhã? Então precisamos aprender a fazer o nosso planejamento estratégico a partir da incerteza.

Pode parecer contraditório, mas na verdade essa é a nossa realidade. Não temos o controle sobre os resultados. Podemos prever, mas provavelmente iremos errar.

Mas afinal, como fazer o planejamento estratégico a partir da incerteza?

Continue aqui conosco nesta reflexão! 😉

Quando falamos sobre o planejamento estratégico de nossos projetos, geralmente pensamos em planilhas enormes recheadas de números.

Sim, existe esse tipo de planejamento, mas também existem formas mais simples de se fazer isso.

Acho que a simplicidade combina mais com um planejamento que é mutável, porque sim, todo planejamento sofre alterações quando é colocado em prática.

Como empreendedores cristãos, sabemos que o resultado do nosso trabalho está nas mãos de Deus. Aliás, nós pedimos para que Deus guie o nosso caminho da forma que Ele achar melhor.

É claro que isso não quer dizer fazer as coisas sem ordem, sem organização. Por isso separei algumas dicas para realizarmos o planejamento estratégico de nossos projetos de uma forma mais leve.

Se quiser, você também pode ler “Controle financeiro é falta de confiança em Deus?”.

Ore a Deus pedindo capacidade

Muitas vezes esquecemos desse “pequeno” detalhe.

Se é Deus quem nos dá capacidade para trabalhar, nada mais sábio do que pedir para que Ele nos capacite nessa tarefa de planejamento.

Pesquise sobre ferramentas

As ferramentas, inclusive as digitais, estão aí para nos dar uma mão na organização de nossos projetos (Trello, ZeroPaper, Evernote, etc).

Não precisamos de um milhão de ferramentas para não usar nenhuma direito, mas é legal escolhermos alguma ferramenta que seja compatível com a nossa forma de organização.

Pode ser até papel e caneta. 😉

Utilize os recursos que já existem para elaborar o planejamento

Nessa parte eu já errei muito!

Como vim da área dos negócios tradicionais, tudo que aprendi sobre planejamento era em relação ao crescimento esperado. Ou seja, um planejamento com base em algo que ainda não aconteceu.

Mas quando somos empreendedores cristãos, não estamos lidando com as “regras do jogo”. Por isso nem sempre esse método funciona.

Nós escolhemos não fazer parcerias desonestas, isso vai diminuir o retorno. Nós escolhemos pagar os impostos devidos, isso também vai diminuir o retorno.
Nós escolhemos não fazer propaganda enganosa, isso também diminui o retorno.

Também já trabalhei com empresas honestas que tinham muito capital para investir. Esse é outro caso específico que muda a forma de gestão. Mas acredito que não é esse o caso da maioria de nós mortais. 😛

Para nossos projetos, com recursos limitados, uma das formas mais coerentes de se fazer um planejamento estratégico é com base no que temos hoje.

Entenda quais são os seus “recursos” disponíveis e planeje o que fará com eles no decorrer do próximo ano. Isso serve para dinheiro, parcerias e pessoas.

Trace metas razoáveis, que façam o seu projeto caminhar, mas que não desgastem os recursos que já existem.

Repita esse processo a cada ano. Essa é uma forma de não sermos inconsequentes com os recursos que Deus nos deu.

_________________

Essas dicas não são para desmotivar seus sonhos, mas para que eles sejam construídos conforme o plano de Deus.

É muito fácil nos perdermos em nossos projetos achando que temos controle sobre eles.

Se fizermos um planejamento irreal, podemos entrar num ciclo muito perigoso de esgotamento físico e mental, achando que não temos aqueles resultados planejados porque não estamos trabalhando o suficiente. Isso é uma grande mentira.

A forma mais sábia que temos de viver a vida é confiando naquele que nos criou e nos salvou.

Afinal de contas, o amor de Deus é a única certeza que temos nesse mundo de incertezas.

Lembre-se de que existe tempo para tudo e que ele não está em nossas mãos.

Versículo da semana:

Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu

Eclesiastes 3.1

Post Anterior Próximo Post

Você também poderá gostar

Sem comentários

Deixe seu comentário